Angola

Covid-19: Incumprimento de medidas contribui no aumento de casos

Angola Press - Ven, 23/10/2020 - 21:15
Luanda - A ministra da Saúde, Sílvia Lutucuta, afirmou hoje, sexta-feira, que o aumento de casos de Covid-19, nas últimas duas semanas, 30 por cento do total de casos, deveu-se ao incumprimento das medidas plasmadas no Decreto Presidencial sobre a Situação de Calamidade, em vigor.,

A governante, que falava em conferência de imprensa sobre o quadro epidemiológico da Covid-19 no país, referiu que o vírus Sarc Cov 2 existe e está a espalhar luto e dor nas famílias, pelo que o não cumprimento das medidas é fatal.

“ Se não cumprirmos com as medidas de biossegurança como lavagem das mãos com água e sabão ou uso do álcool em gel, observar o distanciamento físico ou social, vamos chegar ao colapso total”, alertou.

Fez saber que se deve evitar chegar-se a situação de não existência de camas, razão pela qual a responsabilidade é individual e colectiva.

O país contabiliza, actualmente, 8. 829 casos positivos, com 265 óbitos, 3. 384 recuperados e 5. 180 activos.

Dos activos, nove estão em estado crítico com ventilação mecânica invasiva, 21  graves e 121 moderados.

,
Categorie: Angola

ENDE precisa baixar nível de perdas técnicas e comerciais

Angola Press - Ven, 23/10/2020 - 21:03
Luanda - A Empresa Nacional de Distribuição de Electricidade (ENDE) precisa de 10 subestações eléctricas para o sistema de controlo e fiscalização de fraude baixar o nível de perdas técnicas e comerciais no país, actualmente registada em 17%, declarou hoje o secretário de Estado para a Economia, Mário Caetano João.,

Mário Caetano João, que visitou o Guiché Único de Electricidade, a fim de conhecer melhor o funcionamento da instituição, desafiou a empresa a instalar as subestações para reduzir as perdas.

Intervindo no decurso da sua visita, o responsável referiu-se à importância da energia eléctrica para o desenvolvimento do sector produtivo e destacou a área da transformação de alimentos que precisa de trabalhar com equipamentos electrónicos.

 Já o secretário de Estado para a Energia, Abel Sá da Costa, salientou os avanços tecnológicos registados nos últimos 25 anos e o aumento do número de subestações em Luanda, que passou de quatro para 65.

 Por seu turno, o director de Alta e Média Tensão, Rui Paixão, adiantou que actualmente são necessários 90 dias para completar o processo para uma nova ligação, mas a instituição “tudo está a fazer para reduzir a 45”.

 Em companhia do secretário de Estado para a Energia, Abel Sá da Costa, e do director Nacional da Energia, Osvaldo Gonçalves, Mário Caetano João, conheceu o balcão de atendimento do Guiché, onde são recebidos os pedidos e preparados os processos para novas ligações domiciliares e de Postos de Transformação (PT).

 A comitiva visitou também o call center da ENDE, onde são atendidos uma média de 120 clientes por dia, bem como a área de despacho.

 No que toca ao regime de pagamento pré-pago, as maiores vantagens destacadas foram a redução de ligações ilegais e, por conseguinte, a redução de avarias registadas por excesso de carga.

 A ENDE tem neste momento cerca de milhão e 670 mil clientes registados na sua base de dados.

,
Categorie: Angola

Presidente dos EUA anuncia normalização das relações entre Sudão e Israel

Angola Press - Ven, 23/10/2020 - 21:02
Washington - O Presidente dos EUA, Donald Trump, anunciou hoje a normalização das relações entre Israel e o Sudão, garantindo que estes dois países fizeram as pazes.,

O anúncio foi feito após um telefonema, feito a partir da Sala Oval da Casa Branca e a que os jornalistas puderam assistir, entre Trump e os líderes israelita e sudanês.

"O Presidente disse que Sudão e Israel concordaram em normalizar as suas relações, num novo passo importante para a paz no Médio Oriente", disse um porta-voz do Governo norte-americano, acrescentando que Trump garantiu que "muitos, muitos outros" acordos estavam em preparação.

O anúncio de hoje ocorre após a recente normalização das relações de Israel com os Emirados Árabes Unidos e o Bahrein.

"Estamos a expandir o círculo de paz muito rapidamente graças à sua liderança", disse o primeiro-ministro israelita, Benjamin Netanyahu, dirigindo-se a Trump, durante o telefonema.

Esta semana, o Governo norte-americano anunciara a intenção de Donald Trump de remover o Sudão da lista de países que apoiam o terrorismo, permitindo que volte a poder recorrer a empréstimos internacionais.

Esse mesmo anúncio foi hoje feito ao Congresso dos EUA, dizendo que o Sudão cumpriu o compromisso de pagar uma indemnização de cerca de 300 milhões de euros, para as vítimas de ataques terroristas contra embaixadas norte-americanas em África, em 1998.

Os ataques foram realizados pela rede terrorista Al-Qaeda, de Osama bin Laden, quando este vivia no Sudão, a coberto do Governo local.

O primeiro-ministro sudanês, Abdallah Hamdok, agradeceu a Donald Trump durante o telefonema, saudando o grande impacto que a medida de retirar o país da lista negra teria sobre a economia sudanesa.

,
Categorie: Angola

Covid-19: Angola pode regressar ao Estado de Emergência

Angola Press - Ven, 23/10/2020 - 21:01
Luanda - O ministro de Estado e Chefe da Casa Civil do Presidente da República, Adão de Almeida, afirmou hoje, em Luanda, que o país está à beira do retorno ao Estado de Emergência.,

Ao anunciar as novas medidas sobre a actual Situação de Calamidade Pública, em vigor desde 26 de Maio,  Adão de Almeida esclareceu que, sempre que se impor, o conceito poderá mudar e as medidas agravarem-se ou aligeirarem-se.

Na ocasião, o governante sublinhou que essa realidade está muito próxima de acontecer devido ao crescimento vertiginoso notório, nos últimos 15 dias, dos  números dos casos positivos.

Afirmou que os dados dos últimos 15 dias representam  um aumento de 30 por cento dos 8. 829 infectados do país.

,
Categorie: Angola

Exposição "SOS Ambiente" junta arte à gestão de resíduos

Angola Press - Ven, 23/10/2020 - 20:50
Huambo - O casamento entre a arte, o talento e a gestão de resíduos sólidos, através da transformação do lixo inorgânico, está a marcar a 4ª fase da exposição "SOS Ambiente", que decorre desde hoje, sexta-feira, no Xyami Shopping da província do Huambo.,

Sob o lema “Juntos desafiamos limites, geramos emoções, criamos valor”, o evento, com término previsto para o dia oito de Novembro, decorre no quadro do programa de responsabilidade social desta instituição.

A iniciativa, que congrega mais de meia centena de obras, reúne jovens com talentos assinaláveis e que se dedicam à transformação do lixo inorgânico em perfeitas obras de arte, além de informar e sensibilizar sobre a gestão de resíduos, assim como a importância da reciclagem e preservação do meio ambiente.

Na ocasião, a directora do Xyami Shopping do Huambo, Ana Jacira Teixeira, disse que a iniciativa visa, essencialmente, sensibilizar as populações no sentido de passarem a olhar para a gestão dos resíduos sólidos como um desafio colectivo.

Disse tratar-se de um projecto que surge como contributo para a gestão dos resíduos sólidos, bem como alertar aos clientes e lojistas sobre a importância da preservação do meio ambiente.

Ana Jacira Teixeira frisou que ela passa, também, em realizar sonhos e criar valores, uma vez que os criadores podem vender as suas obras de arte enquanto durar a exposição.

Por sua vez, a chefe do departamento de resíduos do Huambo, Suzana Capitia Chissama, disse ser um motivo de satisfação para a sociedade, no que tange ao reforço da educação ambiental, como para os criadores que encontram no evento a oportunidade para fazer negócios e divulgar as actividades que realizam.

“Devemos sempre apoiar iniciativas do género, visto que aquilo que é lixo para mim pode não ser para o outro. Com esta exposição, a população terá maior consciência em separar o lixo, de modo a facilitar os produtores de artes, como vasos, jarras, enfeites de sala e cozinha, assim como de máscaras de protecção facial, a recolher os produtos nos contentores”, salientou.

O Xyami Shopping faz parte do Grupo Zahara, proprietário da rede de supermercados Kero.

,
Categorie: Angola

Covid-19: Angola com 247 novos casos, cinco óbitos e 79 recuperados

Angola Press - Ven, 23/10/2020 - 20:38
Luanda - As autoridades sanitárias anunciaram, nesta sexta-feira, o registo de mais 247 novas infecções, cinco óbitos e 79 pacientes recuperados. ,

Conforme a ministra da Saúde, Sílvia Lutucuta, que falava em conferência de imprensa sobre o quadro epidemiológico da Covid-19 no país, 203 novos casos foram registados em Luanda, 23 em Cabinda e 21 em Benguela.

Trata-se, segundo a governante, de 139 pacientes do sexo masculino e 108 do sexo feminino, cujas idades rondam entre um a 72 anos.

Quanto aos cinco óbitos, apontou, quatro são pacientes de Luanda e um do Namibe.

Sílvia Lutucuta fez saber que 79 pessoas recuperaram da Covid-19, sendo 56 em Luanda e 23 no Bié.   

O país contabilizou 8. 829 casos positivos, com 265 óbitos, 3. 384 recuperados e 5. 180 activos.

Dos activos, nove estão em estado crítico com ventilação mecânica invasiva, 21  graves e 121 moderados.

,
Categorie: Angola

Praias e piscinas continuam fechadas

Angola Press - Ven, 23/10/2020 - 20:36
Luanda - O uso e acesso as praias e piscinas continua proibido, à luz das medidas de prevenção e combate à Covid-19, anunciou, nesta sexta-feira, em Luanda, o ministro de Estado e Chefe da Casa Civil do Presidente da República, Adão de Almeida.,

Conforme o governante, que falava em conferência de imprensa, a violação desta medida obrigará a aplicação de uma multa até 35 mil Kwanzas.

Está, igualmente, proibido, a promoção de actividades dançantes nos restaurantes.

A multa pela violação do estipulado varia entre 200 mil a 350 mil kwanzas.

,
Categorie: Angola

MPLA reconhece melhoria na qualidade de vida da população do Ucuma

Angola Press - Ven, 23/10/2020 - 20:27
Ucuma - O segundo secretário do MPLA na província do Huambo, Adérito Chimuco Samucambo, reconheceu hoje, sexta-feira, melhorias significativas na qualidade de vida dos 115 mil habitantes do município do Ucuma.,

Segundo o político, que falava na abertura das jornadas “ÉME em movimento”, que decorrem nesta municipalidade, o município do Ucuma apresenta um grau de execução das acções do Plano Integrado Intervenção nos Municípios (PIIM) e dos programas de Investimentos Públicos (PIP) e Integrado de Desenvolvimento Local e Combate à Pobreza (PIDLCP) bastante positivo.

Disse que, no caso das obras do PIIM, lançado pelo Presidente da República, João Lourenço, em 2019, registam 75 por cento de execução física, concretamente a reabilitação de duas pontes nos troços Ucuma/Cacoma e Ucuma/Mundundu.

Adérito Chimuco Samucambo frisou que as acções do PIIM têm igualmente repercussão no sector da educação, com a construção de 32 novas salas de aula nas comunas de Cacoma e Mundundu, com o objectivo de albergar no ano lectivo 2021/2020 dois mil e 720 alunos, numa acção que visa melhorar o processo de ensino e aprendizagem.

Conforme o político, neste número de salas de aula juntam-se às 258 existentes na municipalidade, onde estudam 27 mil e 133 alunos do ensino primário ao II ciclo do ensino secundário.

Referiu que, com a implementação do PIIM, o município do Ucuma terá a oportunidade de ampliar a rede sanitária, com a construção uma unidade no sector de Tchiteve, na comuna de Mundundu, bem como a criação do sistema de saneamento básico na sede municipal.

Por isso, o segundo secretário do MPLA assegurou que o seu partido vai continuar a fiscalizar as acções em curso em todos os municípios da província, para que as mesmas sejam de qualidade e capazes de melhorar o bem-estar económico-social das famílias.

Não obstante esses avanços, Adérito Chimuco Samucambo mostrou-se preocupado com o insuficiente fornecimento de energia eléctrica e de abastecimento de água potável, que não abrange os bairros periféricos, situação que espera ver ultrapassada em breve.

O município do Ucuma, cuja vila municipal localiza-se a 97 quilómetros a Oeste da cidade do Huambo, capital da província com o mesmo nome, possui uma população estimada em 115 mil habitantes, que residem nas comunas de Cacoma, Mundundu e Sede, que, na sua maioria, faz da agricultura e criação de gado bovino, suíno e caprino a principal fonte de sustento.

Em dois dias de actividade nesta municipalidade, os membros do comité provincial do MPLA vão inteirar-se do nível de organização das estruturas de base, além de constatarem “in loco” a situação política, social, económica e cultural.

,
Categorie: Angola

Azerbaijão e Arménia reúnem com diplomacia dos EUA

Angola Press - Ven, 23/10/2020 - 20:22
Washington - O secretário de Estado norte-americano, Mike Pompeo, encontrou-se hoje, separadamente, com os seus homólogos da Arménia e do Azerbaijão, para tentar encontrar uma solução para o conflito em Nagorno-Karabakh.,

Os ministros dos Negócios Estrangeiros do Azerbaijão, Djeyhoun Baïramov, e da Arménia, Zohrab Mnatsakanian, já se tinham encontrado esta semana com o chefe da diplomacia russa, em Moscovo, sendo esta a sua segunda deslocação numa tentativa de encontrar uma saída para a escalada do conflito que envolve os dois países.

Os encontros com Pompeo decorreram separadamente, com os dois responsáveis diplomáticos a rejeitar qualquer reunião tripartida.

No exterior do edifício dos encontros, em Washington, pequenos grupos de manifestantes com cartazes de apoio da Arménia e do Azerbaijão trocaram acusações, separados por agentes de segurança.

Mike Pompeo tinha sido cauteloso sobre os resultados destas reuniões, salientando a dificuldade em conseguir impor um cessar-fogo para o conflito de Nagorno-Karabakh, que já teve duas tentativas falhadas.

"É uma situação diplomática complicada", reconheceu o chefe da diplomacia norte-americana, acrescentando que considera que "o caminho certo para o conflito é baixar a tensão", pedindo para que países terceiros "não alimentem este confronto".

"Uma solução diplomática aceitável para todos pode ainda ser encontrada", disse Pompeo, rejeitando as posições de ambos os países, cujos responsáveis têm mostrado muito pouca confiança no poder negocial.

Com a Rússia e a França, os Estados Unidos fazem parte do trio de coordenação do Grupo de Minsk, da Organização para a Segurança e Cooperação na Europa (OSCE), envolvido na resolução do conflito de Nagorno-Karabakh.

O conflito no enclave remonta aos tempos da União Soviética, quando no final da década de 1980 o território azerbaijano de Nagorno-Karabakh, povoado principalmente por arménios, solicitou a sua incorporação na vizinha Arménia, deflagrando uma guerra que causou cerca de 25.000 mortes.

No final do conflito, que durou até 1994, as forças arménias assumiram o controle de Nagorno-Karabakh e ocuparam vastos territórios do Azerbaijão, a que chamam "faixa de segurança".

O Azerbaijão afirma que a solução para o conflito com a Arménia passa necessariamente pela libertação dos territórios ocupados, uma exigência que tem sido apoiada por várias resoluções do Conselho de Segurança da ONU.

Por seu lado, a Arménia apoia o direito à autodeterminação de Nagorno-Karabakh e defende a participação de representantes do território separatista nas negociações para a resolução do conflito.

De acordo com relatos de organizações internacionais, a recente escalada do conflito em Nagorno-Karabakh já causou mais de 800 mortes, incluindo uma centena de civis.

,
Categorie: Angola

Circulação de pessoas limitada das 6h às 22h00

Angola Press - Ven, 23/10/2020 - 20:21
Luanda - A circulação de pessoas e viaturas na via pública fica limitada, a partir das 00h00 deste sábado (dia 24) até 22 de Novembro, ao horário das 6h00 às 22h00.,

Assim, à luz de um novo Decreto Presidencial que prorroga a Situação de Calamidade Pública para outros 30 dias, a contar de sábado, os cidadãos estão proibidos de se movimentarem sem causa plausível aparente entre às 22 e 5h00 do dia seguinte, sob pena de multa  pesada.

O facto foi anunciado hoje, em Luanda, pelo ministro de Estado e Chefe da Casa Civil do Presidente da República, Adão de Almeida, durante uma Conferência de Imprensa, convocada de urgência, devido ao crescimento vertiginoso notório, nos últimos 15 dias.

Na ocasião, salientou que os números registados nesse período representam 30 por cento dos 8 mil e 500 infectados, nas últimas 24 horas, de quinta-feira a sexta-feira.  

,
Categorie: Angola

FAO lança mais de 200 escolas de campo na região sul do país

Angola Press - Ven, 23/10/2020 - 20:21
Lubango - Duzentas e 25 escolas de campo serão criadas no final deste mês nas províncias da Huíla, Namibe e do Cunene, com vista a aumentar a resiliência das família camponesas e contribuir na melhoria da produção agrícola.,

A instalação dessas escolas, sob responsabilidade do Fundo das Nações Unidas para a Alimentação e Agricultura (FAO) e financiadas pela União Europeia (UE), vai custar 6,6 milhões de euros, em benefício de sete mil e 785 pequenos agricultores rurais, acompanhados por 270 facilitadores e 15 supervisores.

O projecto, denominado Fortalecer a Resiliência e Segurança Alimentar e Nutricional em Angola (FRESAN), enquadra-se no interesse do Plano de Desenvolvimento Nacional de Melhorar a Segurança Alimentar e Nutricional, através da promoção da agricultura sustentável.

Falando hoje, sexta-feira, no acto de lançamento do programa, o secretário de Estado para a Agricultura e Pecuária, João Manuel Bartolomeu da Cunha, sublinhou que o Governo angolano e a União Europeia (UE) desenvolveram o projecto para apoiar a população do sul do país, que sofre de forma cíclica com o impacto das alterações climáticas.

,
Categorie: Angola

Luanda continua sob cerca sanitária

Angola Press - Ven, 23/10/2020 - 20:20
Luanda - A província de Luanda, epicentro da Covid-19 em Angola, mantém-se sob cerca sanitária por mais 30 dias.,

 

Segundo o ministro de Estado e Chefe da Casa Civil do Presidente da República, Adão de Almeida, que falava em conferência de imprensa, as entradas e saídas de de Luanda deverão ocorrer mediante autorização das autoridades.

A violaão da cerca sanitária nacional e provincial impoe a aplicação de uma multa de 350 mil kwanzas, contra os 250 mil kwanzas anteriores.

Fruto das novas medidas, de acordo com o governante, só poderrão sair de Luanda ou das cercas sanitárias agentes oficais,  agentes economicos devidamente autorizados, pessoas singulares por questões de doença e morte.     

,
Categorie: Angola

EUA: Mais de 50 milhões de eleitores já votaram - contagem independente

Angola Press - Ven, 23/10/2020 - 20:17
Washington - Mais de 50 milhões de eleitores já votaram para as eleições presidenciais dos EUA, de acordo com uma contagem de uma agência independente.,

A votação antecipada está a bater recordes, este ano, com muitos eleitores a preferir votar antecipadamente, por correio ou presencialmente, em grande parte para evitar aglomerações, numa altura em que a pandemia de covid-19 se propaga no país.

De acordo com uma contagem do projeto Eleições EUA, em colaboração com a Universidade da Florida, mais de 35 milhões de pessoas já votaram por correio e cerca de 15 milhões votaram presencialmente.

Estes números representam já 36,5% do total de votos das eleições presidenciais de 2016, que teve 138 milhões de eleitores.

A votação antecipada obedece a regras diferentes em diferentes Estados.

Um dos mais populosos e, portanto, um dos mais significativos para o resultado final é o Estado de Nova Iorque, que abre a votação antecipada presencial no sábado, sendo expectável um elevado número de votos logo a partir desse dia.

Os democratas têm insistido na abertura célere de votações antecipadas, como medida de precaução perante a pandemia, mas mesmo este cuidado não tem evitado longas listas de eleitores em vários estados.

Do lado republicano, a abordagem tem sido diferente, criticando a forma como alguns estados estão a abrir as urnas muito cedo, prometendo que os seus apoiantes irão em massa às urnas apenas no dia 03.

Os Estados Unidos realizam no dia 03 de novembro eleições presidenciais, nas quais o atual inquilino da Casa Branca, o republicano Donald Trump, concorre à reeleição contra o democrata Joe Biden.

,
Categorie: Angola

Acordo de cessar-fogo na Líbia é "etapa fundamental" para a paz - Guterres

Angola Press - Ven, 23/10/2020 - 20:13
Nova Iorque - O secretário-geral da ONU, António Guterres, saudou hoje o acordo de cessar-fogo assinado em Genebra pelas facções beligerantes do conflito líbio, afirmando tratar-se de "um passo fundamental para a paz e a estabilidade na Líbia".,

"Felicito as partes por terem feito prevalecer o interesse da sua nação sobre as suas diferenças", declarou o representante, em declarações na sede da Organização das Nações Unidas (ONU) em Nova Iorque (Estados Unidos).

Após cinco dias de negociações da comissão militar conjunta líbia em Genebra (Suíça), sob a égide da ONU, as duas partes em conflito no território líbio acordaram um cessar-fogo "nacional completo e permanente com efeito imediato", segundo anunciou hoje a enviada das Nações Unidas para a Líbia, Stephanie Williams.

"Demasiadas pessoas sofreram" com o conflito líbio "durante muito tempo", prosseguiu António Guterres, lamentando as mortes de civis causadas pelos confrontos.

Recordando o embargo de armas imposto pelo Conselho de Segurança da ONU à Líbia desde 2011 e a necessidade de respeitar tal resolução, Guterres apelou a "todos os intervenientes" e aos "atores regionais" para que respeitem as disposições do acordo de cessar-fogo e garantam a sua aplicação "sem demora".

A Líbia, que possui as reservas de petróleo mais importantes no continente africano, é um país imerso num caos político e securitário desde a queda do regime de Muammar Kadhafi em 2011.

Desde 2015, duas forças rivais disputam o poder na Líbia: o Governo de acordo nacional (GAN, reconhecido pela ONU e sediado em Tripoli) e as autoridades no leste, aliadas do poderoso marechal Khalifa Haftar que conta com o apoio de uma parte do parlamento eleito e do seu presidente (Aguila Saleh).

A situação tornou-se ainda mais crítica desde o início da ofensiva militar das forças do marechal Haftar, que avançou em abril de 2019 contra Tripoli.

Cada uma das facções conta com patrocinadores internacionais.

,
Categorie: Angola

Mercados e venda ambulante três dias por semana

Angola Press - Ven, 23/10/2020 - 20:11
Luanda - O Governo reduziu, de cinco para três dias por semana, os dias de venda nos mercados e ambulante.,

 

Conforme o ministro de Estado e Chefe da Casa Civil do Presidente da República, Adão de Almeida, que falava em conferência de imprensa, mercados e venda ambulante estão autorizados a terça-feira, quinta-feira e sábado, no período das 06 às 15 horas.

Anteriormente estavam autorizados entre terça-feira a sábado, no mesmo horário.

Adão de Almeida avançou que se mantém as medidas de biossegurança e a violação impõe multa que vai dos 10 mil a 15 mil kwanzas.

,
Categorie: Angola

Navio pesqueiro afunda no mar de Benguela

Angola Press - Ven, 23/10/2020 - 20:03
Luanda - O navio pesqueiro de bandeira espanhola "Figaro" afundou hoje (sexta-feira) a cerca de 70 milhas do rio Tapado e a 73 milhas náuticas do Lobito, na sequência de um incêndio registado a bordo na segunda-feira, apurou a Angop de fonte oficial.,

De acordo com uma nota da empresa Kamwue-Kamwue, responsável pela presença do navio em “aguas angolanas”, o naufrágio ocorreu por volta das 8h00, depois de várias tentativas para extinção do fogo.

“Envidamos todos os esforços para resgatar o navio, mas não foi possível manter a sua flutuabilidade e como consequência afundou na manhã de hoje”, explica.

Na mesma nota, a empresa agradece o engajamento de todas as entidades envolvidas no processo de resgate e lamenta o sucedido.

A embarcação partiu de Luanda no dia 16 do mês em curso e três dias depois, já com 19 toneladas de peixe capturadas, deflagrou-se um incêndio a bordo, a 20 milhas náuticas a norte do Lobito. Os 30 tripulantes foram socorridos.

O navio, com a matrícula 3-BI-4-224, tem licença de pesca passada pelo Ministério da Agricultura e Pescas.

,
Categorie: Angola

Governo adia retorno das aulas no ensino primário

Angola Press - Ven, 23/10/2020 - 19:57
Luanda - O Governo angolano anunciou, nesta sexta-feira, o adiamento do retorno das aulas no ensino primário.,

 

Estava previsto para o dia 26 deste mês o recomeço das aulas no ensino primário (da 1.ª à 5.ª classe), que inclui a maior franja do sistema de ensino.

No âmbito deste cronograma, elaborado pelo Governo, as aulas recomeçaram a 05 de Outubro, nas classes de transição (6.ª, 9.ª, 12.ª e 13.ª classes).

Nesta mesma data, no cumprimento da estratégia de regresso gradual, recomeçaram as aulas em todo o sistema universitário do país.

Já o retorno às aulas dos alunos da 7ª, 8ª, 10ª e 11ª classes do I e II ciclo do ensino secundário aconteceu na passada segunda-feira, 19.

Nesta nova fase, as turmas devem ser divididas em grupos de até 20 alunos. No ensino primário e I ciclo, as aulas têm a duração de 02h30, ao passo que no II ciclo do ensino secundário será de  03h30. Neste formato, não haverá intervalos.

Segundo o ministro de Estado e Chefe da Casa Civil do Presidente da República, Adão de Almeida, que falava em conferência de imprensa, o adiamento do retorno das aulas dos alunos do ensino primário deve-se ao aumento dos casos positivos de Covid-19 no país.

,
Categorie: Angola

Governo agrava multas pelo não uso da máscara

Angola Press - Ven, 23/10/2020 - 19:55
Luanda- O Governo Angolano anunciou, nesta sexta-feira, o agravamento do valor das multas pelo não uso de máscaras ou uso incorrecto nos locais públicos e na via pública. ,

Segundo o ministro de Estado e Chefe da Casa Civil do Presidente da República, Adão de Almeida, que falava em conferência de imprensa,  a partir deste sábado os cidadãos que forem autuados sem máscaras ou a usarem incorrectamente as máscaras deverão pagar multas que variam entre 10 mil a 15 mil kwanzas.

No decreto anterior, o valor estava fixado entre cinco mil kwanzas e 10 mil kwanzas.

Adão de Almeida informou ainda que a violação das cercas sanitárias obrigam a aplicação de multa de 350 mil kwanzas, contra os 250 mil kwanzas anteriores.

,
Categorie: Angola

Consignada terraplanagem do troço Cunje/Trumba

Angola Press - Ven, 23/10/2020 - 19:52
Cuito - A reabilitação dos 20 quilómetros do troço Cunje/Trumba, no município do Cuito (Bié), foi consignada hoje, sexta-feira, em acto presidido pelo governador provincial, Pereira Alfredo.,

Orçada em 188 milhões e 592 mil kwanzas, a empreitada está a cargo da empresa de construção civil Epongoloca e consta dos 90 quilómetros de terraplanagem, assim como dez de asfalto que poderão ser estendidos no casco urbano da cidade do Cuito.

Em declarações à imprensa, o governante salientou que a província conta com 115 projectos em execução, dos 175 inscritos no Plano de Integrado de Intervenção aos Municípios (PIIM).

Para si, a prioridade destes projectos centra-se fundamentalmente na reabilitação e recuperação das principais vias terciárias, fixadas em 800 quilómetros de estradas, além das 18 pontes em construção, que poderão facilitar o tráfego entre o campo e a cidade.

De acordo com o governador, os sectores da educação, saúde e energia e águas encontram-se igualmente no pacote das prioridades do Governo.

O PIIM, destacou, vai permitir a construção de 450 salas de aula, através de 50 escolas em construção, e 11 unidades sanitárias, que poderão disponibilizar perto de quinhentas camas para internamento.

Na ocasião, o administrador do Cuito, Abel Guerra Paulo, recomendou à empreiteira no sentido de efectuar um trabalho com qualidade, visando garantir durabilidade e valorizar o investimento do Estado, virado à melhoria do bem-estar das comunidades.

,
Categorie: Angola

Covid-19: Aumento de casos adia feira de IENA - Alemanha

Angola Press - Ven, 23/10/2020 - 19:50
Luanda - A Feira Internacional de Ideias, Invenções e Novos Produtos (IENA), para a qual Angola já tinha inscrito, em Setembro, 19 projectos voltados ao tratamento da Covid-19, foi adiada por conta da subida do número de infectados naquele país europeu, que voltou a encerrar várias actividades.,

Uma nota à imprensa, da comissão angolana indicada a participar do evento, que cita a Direcção da AFAG – Feiras e Exposições GmbH, de Nuremberga – República Federal da Alemanha, empresa gestora da Feira ee IENA, tornou público o cancelamento da edição número 72 da “IENA 2020”.
 
A presente edição estava marcado para de 29 de Outubro a 1 de Novembro deste ano.

Angola perspectivava participar com 19 projectos intrínsecos ao desenvolvimento de tecnologias integradas para sistemas de alerta relacionados com as cheias, aplicativos de natureza múltipla (relacionados com o sistema de segurança electrónica e processos de fiscalização de actividades hospitalares).

Outros projectos de Angola têm a ver com o apoio na sistematização dos processos de arrecadação de receitas no ambiente da economia informal. De igual modo, com alertas da covid-19, máscaras faciais reutilizáveis, assim como a proposta fitoterapêuticas para cura e imunização da referida pandemia.

Os projectos inscritos por Angola são da autoria de investigadores e docentes das Universidades Agostinho Neto (7 projectos), Metodista de Angola (6 projectos), inventores do Complexo Escolar Eliada (2 projectos), SEAKA - Casa de Caminho Andre Luiz (3 projectos) e Técnicos da Empresa I&IT – Investigação, Tecnologia e Inovação (1 projecto).

A República de Angola participa na iENA - Alemanha, desde 2009 e venceu um total de 79 medalhas, sendo 19 de ouro, 28 de prata e 32 de bronze, até 2019.  Com este adiamento, Angola pode interromper um ciclo de dez anos de participação ininterrupta.

,
Categorie: Angola